Curso NR 33

curso nr 33
curso nr 33

Curso NR 33 para trabalhos em espaços confinado.

O curso nr 33 foi desenvolvido para profissionais de diversas áreas que necessitam entrar em espaços confinados.

Em primeiro lugar entenda o que é um espaço confinado.

É um espaço fechado ou parcialmente fechado e não foi destinado ou principalmente construído para ocupação humana e pode apresentar um risco de uma ou mais das seguintes situações a qualquer momento:

01- concentração insegura de contaminantes aéreos prejudiciais.

02- concentração insegura de substâncias inflamáveis

03-  níveis inseguros de oxigênio

04- substâncias que podem causar o engolfamento do trabalhador.

05- pode ter meios restritos de entrada e saída.

Os exemplos acima incluem: tanques de armazenamento, vagões-tanque, vasos de pressão, caldeiras, silos, poços, tubulações, esgotos, poços, óleo dutos, reservatórios de agua entre outros.

Quem deve fazer o curso NR 33?

Trabalhador Autorizado para espaço confinado com o curso NR 33 é aquele que entra no espaço confinado para executar trabalhos certamente treinado e preparado.

Vigia do espaço confinado é o trabalhador que fica na entrada do espaço confinado para resgatar o trabalhador autorizado ou chamar a equipe de resgate.

Supervisor de espaço confinado é trabalhador que é responsável por planejar os trabalhos e possíveis resgates além disto é o chefe da equipe.

Identificando perigos e avaliando riscos.

No curso nr 33 é demonstrado os  procedimentos sobre identificação de perigos e avaliação de riscos.

Alguns dos perigos dos espaços confinados incluem:

Atmosferas deficientes em oxigênio, que podem causar inconsciência, danos cerebrais e morte, entretanto um bom planejamento elimina este risco.

A deficiência de oxigênio pode ser causada pela oxidação, fogo, decomposição de matéria orgânica gerando outros gases, grãos ou solos é consumo por bactérias.

Atmosferas tóxicas, contendo gases, vapores, poeiras ou fumos que têm efeitos tóxicos no corpo humano.

Pintura ou soldagem que podem produzir vapores e nevoas explosivas.

Atmosferas inflamáveis, contendo gases, vapores ou pós inflamáveis ​​que podem ser inflamados por uma centelha.

O risco de explosão ou combustão espontânea aumenta quando existe uma atmosfera enriquecida em oxigénio (em que o teor de oxigênio é superior a 23,5%).

Engolfamento é quando trabalhadores podem ficar presos ou enterrados por materiais a granel, como grãos, areia, farinha, fertilizantes e serragem.

Operação de peças móveis, por exemplo, sendo presas ou esmagadas por brocas, misturadores, agitadores, correias transportadoras ou engrenagens).

Como controlar estes riscos?

No curso nr 33  os participantes aprendem sobre as medidas de controle que devem ser aplicadas conforme a legislação vigente portanto nunca entre em um espaço confinado sem controlar os riscos.

O trabalho pode ser feito sem entrar no espaço confinado?

Desta forma como primeiro passo, verifique se a necessidade de entrar no espaço confinado.

Atualmente existem alguns equipamentos que podem realizar os trabalhos de inspeção como sondas e drones, lembre-se não entre se não for necessário.

Isole contaminantes e partes móveis com os procedimentos de Lockout e tagout.

Impedir o acionamento acidental de maquinas e dispositivos é indispensável em espaços confinados.

Faça a medição do nível de oxigênio

Use um detector adequado para determinar se o espaço confinado contém um nível de oxigênio seguro para a respiração sendo o mínimo de 19,5 e o máximo de 23,5 portanto nunca entre em um espaço confinado fora destes padrões.

Faça a medição atmosfera de contaminantes tóxicos e combustíveis

  1. Teste de contaminantes tóxicos (por exemplo, sulfeto de hidrogênio, metano, monóxido de carbono) e contaminantes inflamáveis ​​(por exemplo, vapores de petróleo os hidrocarbonetos).
  2. Você precisa usar equipamento de detecção apropriado, que deve ter certificado de calibração.

Faça a ventilação no espaço confinado caso necessário conforme os procedimentos.

Ventile o espaço confinado usando um insuflador, ao insuflar ar no espaço confinado, certifique-se de que o volume foi suficiente realizando nova medição.

Selecione o parelho de respiração apropriado consultando seu programa de proteção respiratória (PPR)

O equipamento de proteção individual (EPI) é muito importante para o trabalho em espaços confinados posteriormente inspecione antes de guardar.

O EPI deve ser combinado com outras medidas de controle para controlar o risco bem como equipamento de proteção respiratória além disto realizar o teste de vedação.

Emitir uma permissão de entrada por escrito aliás é muito importante.

A pessoa responsável pelo trabalho (SUPERVISOR DE ENTRADA DE ESPAÇO CONFINADO) deve emitir uma autorização por escrito com uma lista de verificação de segurança para garantir um trabalho seguro.

Monitorar periodicamente as medidas de controle assim terá um ambiente mais confiavel.

A medição do ar atmosférico em um espaço confinado constantemente, deverá ser constante para a segurança dos trabalhadores envolvidos porque existe o risco de contaminação eminente.

No caso das condições mudarem, evacue o espaço confinado imediatamente.

Deve haver um sistema para tirar rapidamente um trabalhador do espaço se algo der errado.

Para este procedimento o mais indicado é um sistema de resgate pronto para emergências sendo assim em todas atividades.

Treinamento constante no mínimo anual conforme NR 33.

Fornecer treinamento para todos os funcionários que possam estar envolvidos em trabalho em espaço confinado porque nunca sabemos quanto teremos uma situação real confinado.

Mediante o exposto devem ser envolvidos as pessoas em prontidão com o curso nr 33 e profissionais de emergência.

Procedimentos de emergência em espaços confinados

É fundamental ter um procedimento de emergência específico principalmente para ações rápidas em emergências com espaços confinados incluindo:

  1. primeiros socorros
  2. equipamento de combate a incêndios
  3. um procedimento de resgate para trabalhadores que possam estar feridos ou incapacitados
  4. EPI e EPR para socorristas
  5. registro de detalhes de contato de emergência.
  6. Os procedimentos de resgate devem ser testados para garantir que sejam seguros e eficazes quando necessário assim sendo teste antes de utilizar.
  7. É muito difícil regatar uma pessoa de um espaço confinado sem pessoas treinadas e equipamentos adequados em vista disso é melhor treinar muito.

 

 

Deixe seu comentário